Abordagem sobre câncer colorretal abre a programação do XVII Congresso de Medicina

Ocorre até o dia 28 de outubro o XVII Congresso de Medicina da Universidade Católica de Pelotas (UCPel). O tema ‘Saúde Interdisciplinar: da teoria à prática’ será trabalhado em módulos, que tratarão de assuntos como oncologia, medicina preventiva, ginecologia e obstetrícia, pediatria, endocrinologia, clínica médica e cirurgia. Além de palestras com professores e profissionais, haverá também a realização de minicursos e apresentação de trabalhos acadêmicos.
A primeira noite do evento, ocorrida nesta segunda-feira (24), contou com a presença da oncologista Daniela Palmeira. A convidada falou sobre rastreio, diagnóstico e tratamento oncológico do câncer colorretal, terceiro mais comum no Brasil. De acordo com a palestrante, 16 mil homens e 17 mil mulheres enfrentam a doença anualmente, que tem aumento de sua incidência a partir dos 50 anos de idade. 
Além do câncer colorretal, também teve espaço na primeira noite do Congresso o tema câncer de mama. Para o coordenador do XVII Congresso de Medicina, professor Ricardo Noal, é uma satisfação para o corpo docente ver a grande participação de acadêmicos e de profissionais que aceitaram participar do evento para compartilhar novas informações.
A coordenadora do curso de Medicina, professora Regina Bosenbecker da Silveira, espera que a realização de mais uma edição do Congresso promova o crescimento de seus participantes. “Quero parabenizar o comprometimento dos alunos e agradecer os palestrantes que aceitaram participar do evento e dividir o seu conhecimento”, disse. 
A programação completa do Congresso pode ser acessada na página do evento no Facebook. No mesmo endereço estão disponíveis informações sobre os temas dos minicursos e cronograma de apresentação de trabalhos. 

foto da notícia