UCPel estuda utilização de nova substância antibacteriana e anticoagulante para cateter venoso

Uma nova substância para ser utilizada em cateter venoso central foi estudada por acadêmicos do curso de Medicina da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), por profissionais do Serviço de Nefrologia e residentes do Hospital Universitário São Francisco de Paula (HUSFP/UCPel). Trata-se do citrato trissódico a 30%, que possui propriedades antibacterianas e anticoagulantes e parece ser uma alternativa à heparina, medicamento comumente utilizado em cateter venoso para hemodiálise.
 
O estudo foi coordenado pelos professores do curso de Medicina Franklin Correa Barcellos e Maristela Bohlke, sendo desenvolvido na Unidade de Diálise do HUSFP/UCPel. De acordo com o professor Barcellos, diversas pesquisas têm procurado identificar outras substâncias que sejam superiores à heparina na prevenção de complicações associadas ao uso de cateter venoso central para hemodiálise. “O grupo decidiu realizar a pesquisa para verificar a efetividade do citrato de sódio, substância que poderia ser superior à heparina na diminuição do número de tromboses de cateteres e infecções associadas ao uso de cateter venoso para hemodiálise”, explica o professor.
Através de estudo clínico randomizado (tipo de estudo experimental que visa o conhecimento do efeito de intervenções em saúde e, atualmente, considerado uma das ferramentas mais importantes para a obtenção de evidências para a prática clínica), foram acompanhados pacientes que usaram cateter venoso para hemodiálise. Integraram o trabalho a analise de 464 cateteres, sendo 233 no grupo heparina e 231 no grupo citrato de trisódio 30 %. 
Os resultados encontrados no estudo não mostraram que a utilização de citrato trissódico, comparado à heparina, esteve associada à menor ocorrência de tromboses e a episódios de infecção. Mas, o resultado do estudo da UCPel contribuiu para as evidências científicas sobre as vantagens e efeitos colaterais de diferentes compostos químicos utilizados na selo-terapia (medicamentos utilizado dentro do cateter venoso)  na tentativa da redução nos elevados  índices de morbimortalidade associados a este procedimento médico. 
  
Publicação em revista internacional 
Pela atualidade do tema, os resultados do estudo foram publicados na Revista Infection, editada na Alemanha mas que possui circulação mundial. A publicação é composta por revisores, que selecionam artigos referentes à etiologia, patogênese, diagnóstico e tratamento de doenças infecciosas. O periódico é indexado aos principais bancos de dados de literatura científica, entre eles a PubMed/Medline, Science Citation Index, Science Citation Index Expanded (SciSearch), Journal Citation Reports/Science Edition, SCOPUS e EMBASE
Vestibular
O curso de Medicina está entre as 21 graduações oferecidas pela UCPel em seu Vestibular de Verão 2017, que a partir desta edição terá três opções de seleção de ingresso: prova tradicional, agendada ou uso da nota do Enem. As inscrições podem ser feitas até o dia 18 de novembro através do site. A taxa de inscrição para o Vestibular Agendado, prova tradicional e para uso da nota do Enem é de R$ 50 até o dia 07 de novembro. Candidatos à Medicina pagam R$ 150, também até 7 de novembro. Após essa data, os valores serão alterados.