LAEPO/UCPel conscientiza sobre câncer bucal em ações do Maio Vermelho

Agentes Comunitários de Saúde (ACS) de Pelotas podem participar de palestra gratuita sobre Diagnóstico Precoce do Câncer Bucal, na sexta-feira (3), às 14h, no Auditório Dom Antônio Zattera. A atividade integra as ações do Maio Vermelho, iniciativa da Liga Acadêmica de Estomatologia e Patologia Oral da Universidade Católica de Pelotas (LAEPO/UCPel).

A palestrante será a professora Maria Noel Marzano Rodrigues, e as inscrições poderão ser realizadas no local. De acordo com a coordenadora da liga, professora Maria Petruzzi, a ação objetiva ampliar a qualificação técnico-científica dos profissionais. “As informações são importantes para auxiliar a sociabilizar e para o melhor atendimento da saúde bucal da comunidade”, acredita.

Denominado Maio Vermelho, o mês se destina a conscientizar a população sobre a necessidade de prevenir e diagnosticar precocemente o câncer bucal. Sendo assim, a liga desenvolve diversas ações. A primeira delas foi realizada entre acadêmicos de Odontologia, um concurso para criar a identidade da campanha, vencido pela estudante do quinto semestre, Maitê Ganz.

Em 31 de maio, dia “D” da campanha, os membros da LAEPO estarão nas clínicas odontológicas da UCPel para avaliações, a fim  de diagnosticar alterações na cavidade oral e estruturas anexas. Além disso, também irão ensinar os pacientes e acompanhantes sobre fatores de risco do câncer bucal e método de autoexame da boca. Outros eventos em parcerias externas estão sendo planejados.

O câncer bucal acomete, principalmente, homens acima dos 40 anos, tabagistas crônicos, consumidores regulares de bebidas alcoólicas ou expostos à radiação solar sem proteção. Anualmente, no Rio Grande do Sul, afeta cerca de 2 mil indivíduos. “O prognóstico da doença é positivamente influenciado pelo diagnóstico precoce”, alerta a docente.

 

Redação: Piero Vicenzi

foto da notícia