fbpx
Save the date

O projeto do Laboratório de Simulação, Usabilidade e Avaliação de Tecnologias para Saúde do curso de Medicina da Católica de Pelotas (UCPel) vai receber recursos do programa Inova RS. A proposta, criada em parceria com o Hospital Universitário São Francisco de Paula (HUSFP) e a Lifemed, busca o desenvolvimento tecnológico da região e a qualificação de profissionais. 

Intitulado de Health UX Lab, o projeto tem como objetivo proporcionar inovação na Zona Sul através da criação de equipamentos eletromédicos. Com o investimento, o laboratório de simulação já existente no Campus Saúde da UCPel será ampliado. O valor encaminhado pelo Inova também será usado na aquisição de equipamentos, consultorias e materiais necessários para operação do espaço.

A professora do curso de Medicina da Católica de Pelotas, Ana Cristina Kraemer, destaca que além do avanço tecnológico obtido com a união do ensino, a pesquisa e a indústria, a proposta vai contribuir no atendimento à comunidade. “O projeto desenvolverá testes de usabilidade de equipamentos, utilizando cenários simulados e  manequins para garantir a segurança do paciente que só usará o material após ter passado pelo Simlab”, explica. 

A iniciativa possui um custo total de R$ 1,7 milhão, sendo que R$ 1 milhão será encaminhado pelo programa do governo do Estado, e o restante, em contrapartida de R$ 130 mil da UCPel, R$ 509 mil da Lifemed e R$ 74 mil do HUSFP.

Um espaço de inovação

Segundo o coordenador do Escritório de Desenvolvimento Regional (EDR) da UCPel, Fábio Castro Neves, além da tecnologia desenvolvida a partir do local, acadêmicos e profissionais poderão se qualificar. “Eles vão poder simular diversas situações que vão ocorrer no dia a dia. Nosso papel é dar suporte para que a empresa ou o pesquisador possa desenvolver seu equipamento”, explica.

Para o pró-reitor Acadêmico da Católica de Pelotas Ezequiel Megiato, a possibilidade desta parceria entre universidade e as empresas é uma grande oportunidade para possibilitar a inovação. “É um projeto que vai trabalhar bem na ponta educacional, incluindo o ensino, a pesquisa e a extensão para o bem da comunidade. Queremos muito ver ações como essa se replicando dentro da Católica”, destaca.

Um ponto de referência nacional

Com o apoio da Lifemed que além de disponibilizar seus especialistas na área, vai fornecer equipamentos eletromédicos, o projeto terá uma estrutura completa para simulação de uso, ensaios de validação e usabilidade de produtos.

Segundo o gerente em Pesquisa e Desenvolvimento da Lifemed, Leonardo Reichow, o projeto vai impulsionar o estudo e colaborar com empresas já existentes e também com futuras instituições que pretendem se instalar em Pelotas.”O trabalho do Laboratório será uma iniciativa única em caráter nacional e poderá a Região Sul, em conjunto com o projeto do HUB de Inovação em Saúde e Biotecnologia, se tornar referência nacional em Pesquisa e Desenvolvimento em Saúde”, projeta.

Redação: Kauã Blank

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.