fbpx
Save the date

 “Quais os efeitos colaterais das vacinas?”

“Qual a eficácia da vacina após a primeira dose?”

“Preciso voltar para tomar a segunda dose”?

Essas são algumas das perguntas mais comuns feitas todos os dias quando alguém recebe a imunização contra a Covid-19 e, também, são tema de muita desinformação. A partir dessa realidade, o projeto de extensão Ser Saudável da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) criou um QR Code que dá acesso à página “Me Vacinei.E agora?”. O material construído por alunos da universidade para esclarecer sobre dúvidas da vacinação, pode ser acessado, inclusive, nos locais de vacinação da cidade. 

Em parceria com a Prefeitura de Pelotas, o projeto compartilhou cartazes e banners com o código e orientou os aplicadores dos imunizantes a indicarem a utilização do conteúdo informativo aos vacinados. Assim, com o simples gesto de direcionar a câmera do celular para o código de barras , além de imunizado, o cidadão obtém informações seguras.A ideia, explica a coordenadora Ser Saudável, professora Isabel Arrieira, foi desenvolvida a partir do objetivo de  educar para a saúde, neste caso de uma forma acessível e capaz de ter um bom alcance junto à população. “Nossa proposta é levar informação segura para as pessoas para que elas possam se tornar responsáveis pela própria saúde, o que só ocorre se possuírem a informação verdadeira, segura”, frisa a coordenadora da ação.

Banner com QR Code em local de vacinação

 

Conteúdo do blog

Quem acessa o QR Code  encontra material  construído pelos alunos dos cursos de Enfermagem, Medicina, Psicologia, Odontologia e Farmácia, todos integrantes do Ser Saudável. O conteúdo relacionado à vacinação contra  Covid-19 foi feito com base em fontes consideradas confiáveis, como a Organização Mundial da Saúde e o Ministério da Saúde. Além disso, antes da postagem, o conteúdo também é revisado pelos professores que coordenam a ação extensionista.

A aluna do 2° ano de Medicina, Rafaella Zanetti, diz que a pergunta usada nos cartazes – “Me vacinei. E agora?” foi uma aposta do grupo para despertar a curiosidade nas pessoas e assim garantir o acesso via QR Code. “ No blog, buscamos fazer algo simples, que todas as perguntas e respostas pudessem ser visualizadas em uma página só. Assim  todos, com ou sem experiência em tecnologia, conseguem mexer e participar dessa ação”.

As perguntas respondidas no ambiente virtual são resultado de um levantamento dos alunos do projeto com os profissionais de saúde que estão aplicando a vacina sobre as dúvidas mais frequentes da população.

Como acessar

Quem não encontrar o cartaz com o QR Code, também pode ter acesso ao conteúdo sobre a vacinação contra a Covid-19 no blog do Ser Saudável ou nas redes sociais do projeto , Instagram e Facebook.

Redação: Alessandra Senna

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.